quinta-feira, 15 de novembro de 2018

quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Diabetes: é possível prevenir? - Saúde Naval

Ainda que não seja possível impedir completamente o aparecimento da diabetes, algumas medidas são possíveis para reduzir a sua incidência. Conheça os diferentes tipos:

Diabetes tipo 1 (DM 1) – ocorre quando o pâncreas, responsável pela produção de insulina, não produz o hormônio ou o produz em quantidade insuficiente devido à destruição de células. Assim, a concentração de glicose no sangue aumenta muito e a pessoa precisa aplicar insulina injetável todos os dias. A causa da diabetes tipo 1 ainda é desconhecida, mas acredita-se que possa ter origem genética ou autoimunológica. Os principais sintomas são: fome e sede excessivas, cansaço, emagrecimento e poliúria (emissão excessiva de urina).

Diabetes tipo 2 (DM 2) – é a mais comum. Cerca de 90% dos pacientes diabéticos possuem a tipo 2. O pâncreas dessas pessoas produz insulina em quantidade insuficiente ou até a produz normalmente, mas o organismo não consegue usá-la de forma adequada. A diabetes tipo 2 pode surgir a partir da combinação de dois fatores: o genético, ou seja, o histórico da doença na família, e o ambiental, que são fatores de risco para o problema, tais como a obesidade e o sedentarismo. Na maioria das vezes, os sintomas não aparecem ou podem levar anos para se manifestar. Se a doença não for tratada, pode evoluir para um quadro grave de desidratação, coma e levar à morte.

Outros tipos de diabetes - são muito mais raros e suas causas incluem defeitos genéticos da ação da insulina, doenças do pâncreas (pancreatite, tumores pancreáticos, hemocromatose), outras doenças endócrinas e uso de alguns medicamentos.

Os principais fatores de risco para o desenvolvimento da diabetes são:
Sobrepeso e obesidade;
Ingestão de açúcar e gordura em excesso;
Sedentarismo;
Histórico familiar e herança genética;
Alcoolismo;
Estresse;
Histórico de doença cardiovascular; e
Diabetes gestacional prévia.

Para quem possui algum ou vários destes fatores de risco mas não tem ainda o diagnóstico da diabetes, a melhor forma de prevenção é adotar um estilo de vida mais saudável e consultar o médico, fazendo exames regularmente.

Este é o caso do Terceiro-Sargento Manoel de Andrade Domingos. Na sua família, sua avó, sua mãe e cinco dos seus tios tiveram complicações severas por conta da diabetes, chegando até a ocasionar morte. Por conta disso, ele e praticamente todos os seus irmãos e primos se preocupam com a possível hereditariedade e, para reduzir as chances do surgimento da doença, passaram a tomar diversas precauções. Exames de rotina, dieta balanceada e prática de exercícios físicos fazem parte dos cuidados que o Sargento Domingos toma.

“Na minha família, a minha avó foi a primeira a ser diagnosticada com diabetes tipo 2. Ela chegou a entrar em coma e falecer em decorrência da doença. Em seguida, meus tios e minha mãe foram, pouco a pouco, sendo diagnosticados também. Todos eles tinham um ou mais fatores de risco, como sobrepeso, alcoolismo, sedentarismo e estresse.

Sempre nos aconselharam (eu, meus irmãos e primos) a adotarmos um estilo de vida mais saudável, fazendo exames periódicos, pois tinham em mente, que a doença poderia ter caráter genético. Como nossa família já passou por perda de visão, problema de coração, risco de amputação de perna e até mortes, a geração mais nova tem medo e tenta se cuidar mais, evitando os fatores de risco.”

Veja abaixo 9 dicas para reduzir as chances de ter diabetes:
Pratique atividade física.

Um dos maiores fatores de risco para a diabetes tipo 2 é o acúmulo da gordura na região abdominal, no fígado e entre os intestinos. Faça exercícios diariamente e evite alimentos gordurosos.
Durma bem.

Quando você dorme mal, seu relógio biológico afeta o seu metabolismo. Isso pode resultar em um aumento de 4 quilos por ano. Assim, há risco do aumento de glicose e resistência à insulina no corpo.
Beba chá ou café descafeinado.

Os antioxidantes presentes no chá e no café podem reduzir o risco do diabetes. Prefira o café descafeinado, pois a cafeína não é recomendada para quem tem tendência a doenças cardiovasculares.
Não faça jejum e coma devagar.

A incidência da doença é maior em pessoas que se alimentam muito rápido em comparação com quem come mais devagar. Além do risco de diabetes, intercalar períodos de jejum e de grande quantidade de comida pode causar perda de massa muscular.
Cuidado com o estresse!

Problemas emocionais podem levar ao sedentarismo e a um maior consumo de alimentos calóricos. Além disso, perturbações geradas no sistema imunológico alteram a produção de hormônios, facilitando a ocorrência de diabetes.
Prefira alimentos integrais.

Priorize arroz e pão integrais ao invés dos que levam farinha de trigo normal. Assim, você reduz a chance de aumentar rapidamente a taxa de glicose no sangue. Batatas, frutas em calda e açúcar branco também têm alta carga glicêmica. Evite-os!
Inclua amêndoas na sua alimentação.

Amêndoas são fortes aliadas contra a diabetes tipo 2. Elas aumentam a sensibilidade à insulina e tendem a reduzir o nível de açúcar no sangue.
Coma frutas com moderação.

Em uma alimentação saudável, deve-se comer frutas diariamente. Mas, algumas têm bastante carboidrato e açúcar. Uvas e caqui devem ser consumidos com moderação.
Faça exames regularmente e mantenha a saúde em dia.

Cuide da sua saúde, buscando não descuidar dos seus exames de rotina. Fique atento!
Fonte: Saúde Naval

VII Jornada Jurídica do Corpo de Fuzileiros Navais

Fique ligado nas inscrições! 
Até 16 de novembro de 2018!

terça-feira, 13 de novembro de 2018

II Encontro da Turma de Fuzileiros Navais II/81

   A turma de Fuzileiros Navais II/81 do então Campo de Adestramento (CAdest), hoje, Centro de Instrução e Adestramento de Brasília (CIAB), realizou, nos dias 9, 10 e 11 de novembro nas instalações do Grupamento de Fuzileiros Navais de Brasília (GptFNBr) e na Chácara Recanto primavera na Cidade Ocidental/GO, o 2º grande encontro da turma. 
   O evento reuniu aproximadamente 80 pessoas, contando com a presença de parte dos formandos da turma, familiares, convidados e representantes do Projeto Guarda Mirim de Unaí.  
   Na programação do encontro, que iniciou com um jantar na sexta-feira na referida Chácara, continuou no GptFNBr no sábado, onde os Veteranos e a Guarda Mirim participaram do cerimonial de hasteamento da Bandeira Nacional, seguido de uma demonstração de adestramento de cães da Companhia de Polícia do Gpt e de Motociclistas (Batedores), encerrando com uma foto dos formandos e os tradicionais HURRAS, pelo então monitor SD-FN-IF Lucena.
   Após a visita ao Gpt, a comitiva voltou para a Chácara Recanto Primavera e continuou a confraternização com um delicioso churrasco que se estendeu até o jantar. Já no domingo 9/11 foi servido uma suculenta feijoada regada...!
   Foram momentos de muitas alegrias e descontrações, recheados de memórias e histórias vividas pelos presentes, aqueles jovens mancebos que há 37 anos iniciavam seus destinos com esperanças em um mundo novo, e muitos desafios para superar, mesmo aqueles que, por motivos diversos, resolveram deixar de seguir a carreira militar e honradamente seguiram outras profissões, relatam suas experiências vividas.
   Vale ressaltar que, por iniciativa dos organizadores, além da sobra da verba arrecadada para o evento, foi feito uma cotização entre os participantes e encaminhada para ajudar um companheiro da turma que passa por momentos difíceis. Mais uma ação de cunho social, mostrando o quanto o Veterano Fuzileiro Naval é solidário e sensível com as dificuldades de outros. 
   O tempo passa, mas a amizade e o espírito de corpo adquirido durante o serviço ativo no Glorioso Corpo de Fuzileiros Navais (CFN), permanece em cada um.
   Parabéns pra todos presentes, em especial para os organizadores do brilhante evento.
   BRAVO ZULU!
   ADSUMUS, sempre!
O Comandante Dotto marcou presença na Chácara no domingo 11/11.
Já esta foto, foi na casa do Veterano Vilmondes na quinta-feira 8/11 
Dentre os brindes, este blogueiro foi presenteado pelo seu amigo Humberson com essas duas boas Cachaças Artesanais, Chico Mineiro e Cana da Terra, esta última do alambique do Veterano FN Abrão, em Alexânia.
Momento de descontração na Chácara, SHOW
 
Após a confraternização, encerrei com uma pescaria na roça do meu Sobrinho Junior, na represa do Corumbá IV, só que os peixes estavam de férias...

segunda-feira, 12 de novembro de 2018

Conheça o Batalhão de Engenharia de Fuzileiros Navais

   O Batalhão de Engenharia de Fuzileiros Navais (BtlEngFuzNav) é uma parcela do Corpo de Fuzileiros Navais da Marinha do Brasil. Tem participado de missões de paz e humanitárias em Angola, Costa Rica, Equador, Guatemala, Honduras, Líbano, Haiti, Nicarágua e Peru.
   O seu lema é:
  "CONSTRUIR, ÀS VEZES DESTRUIR, MAS SEMPRE APOIAR."

Veterano Fuzileiro Naval JANUÁRIO, bicampeão brasileiro de nado borboleta!

   Mais uma conquista do Veterano Fuzileiro Naval Januário, da Associação de Veteranos do Corpo de Fuzileiros Navais Seção Regional de Natal (AVCFN/SR/Na). Desta vez, no  62º Campeonato Brasileiro Máster de Natação, em Belo Horizonte/MG.

   Veja abaixo a nota e fotos publicadas no blog Memórias de um Fuzileiro Naval Veterano:
   Veterano JANUÁRIO! Bicampeão brasileiro de nado borboleta!
Entre os dias 1º a 4/11/2018, nosso Veterano JANUÁRIO participou do 62º Campeonato Brasileiro Máster de Natação, compondo a equipe Potiguar Máster, realizada no Jaraguá Country Club, Belo Horizonte, MG.
   A equipe potiguar foi formada por nadadores do RN, PB e PE. Foram sagrados campeões das equipes médias na competição.
   Nosso Veterano JANUÁRIO, o vovô da equipe, se destacou ganhando 6 medalhas: 2 de ouro, 3 de pratas e 1 de bronze.
   Entre os 19 atletas que compuseram a equipe, nosso Veterano Januário, foi o atleta que somou maior número de pontos individual e tendo orgulho em ser vencedor das provas mais difíceis do campeonato, 400m Medley e 200m Borboleta, tornando-se Bicampeão brasileiro nesta prova.
   A Diretoria e sócios da AVCFN SR Natal, parabenizam nosso Veterano JANUÁRIO por mais esta conquista em suas atividades esportivas, servindo de exemplo para nós Veteranos.

sexta-feira, 9 de novembro de 2018

Encontro da Turma de Formação de Sargentos FNs 1987

   A Turma de Formação de Sargentos de 1987, todas as especialidades, fará um encontro de confraternização no dia 13 de abril de 2019 na Casa do Marinheiro, localizada no Bairro da Penha, Rio de Janeiro.
   Os Formandos da referida Turma interessados em participar do encontro, entrar em contato com o SO Angelo, ZAP 21988548616.
BRAVO ZULU!

quinta-feira, 8 de novembro de 2018

Colônia de Férias na Casa do Marinheiro - 2019

   Colônia de Férias - Realizada anualmente no mês de Janeiro, a Colônia de Férias do Departamento Regional do Abrigo do Marinheiro no Rio de Janeiro (DRAMN-RJ) e do Departamento Regional do Abrigo do Marinheiro em São Gonçalo (DRAMN-SG) proporcionam atividades de lazer para uma parcela da Família Naval durante o período de férias escolares. Eventos de cunho esportivos, recreativos e sociopedagógicos serão desenvolvidos nas Áreas Recreativas, Esportivas e Sociais da Casa do Marinheiro (ARES-CMN) e de São Gonçalo (ARES-SG). 
   As atividades, cuja supervisão fica por conta de profissionais qualificados, garantem à criançada e aos adolescentes muita diversão, além de reforçar valores morais e sociais. 
A próxima edição da Colônia será realizada no período de 7 a 11JAN2019, nas instalações da ARES-CMN; e de 14 a 18JAN2019, nas instalações da ARES-SG, ambas das 8h às 16h. 
   Serão oferecidas, inicialmente, 120 vagas para a ARES-CMN, localizada na Avenida Brasil, 10.592 – Penha (RJ); e 70 vagas para a ARES-SG, localizada na Av. Paiva, s/nº, Ilha das Flores, Neves, São Gonçalo. O público-alvo desta ação social são crianças e adolescentes de 7 a 14 anos de idade, dependentes de militares e servidores civis da Marinha do Brasil, ativos ou veteranos. Será cobrada uma taxa de inscrição no valor de R$50,00 (cinquenta reais) para cada participante no ato da matrícula. 
   As inscrições estarão abertas, no período de 08NOV2018 a 26NOV2018, e só poderão ser feitas na página: www.abrigo.org.br. Os inscritos serão chamados de acordo com o número de vagas para cada unidade (ARES-CMN e ARES-SG), obedecendo à ordem sequencial de registro da inscrição. É necessário se apresentar na data marcada para a efetivação da matrícula. Ressalta-se, também, a necessidade do responsável do participante comparecer nas unidades solicitadas portando os documentos exigidos na ficha de inscrição. Nestes dois casos, o não cumprimento das referidas exigências será considerado desistência e serão, automaticamente, convocados os inscritos da fila de espera. 
   Membros da Família Naval em trânsito para o Rio de Janeiro deverão informar esta situação no campo "observações" da ficha de inscrição, bem como seus telefones de contato neste período. 
   Informações adicionais poderão ser obtidas pelos telefones: (21) 2584-2400 (ARES-CMN) ou (21) 3707-0586 (ARES-São Gonçalo). Solicita-se aos Titulares de OM que deem ampla divulgação.
   Extrato do BONO Nº 856 DE 07 DE NOVEMBRO DE 2018

quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Educação Financeira para militares e pensionistas da MB

   A PAPEM recentemente realizou estudo sobre endividamento dos militares e pensionistas da MB. O resultado desse estudo apontou para a necessidade de investir na educação financeira do nosso pessoal.

   Nesse sentido, a PAPEM desenvolveu, com o apoio do SASM, um vídeo educativo sobre o tema e o disponibilizou em sua página (internet e intranet) e, com o apoio do CCSM, nas mídias sociais da MB.
   Essa iniciativa visa a contribuir para a incorporação da educação financeira no cotidiano dos nossos militares, servidores civis e pensionistas, promover a conscientização quanto à necessidade de uma gestão equilibrada dos recursos financeiros e incentivar escolhas mais saudáveis que preservem as finanças pessoais. Incentiva-se a ampla divulgação do vídeo pela família naval e a diligente reflexão sobre esse aspecto tão importante das nossas vidas.
   Veja o vídeo:

terça-feira, 6 de novembro de 2018

12 ou 13? Descubra se for capaz...

Agora deu Cachorro em dezoito...
Conte as pessoas, espere até que elas troquem de posição...
Agora, conte novamente...
Vai te reiar home...
E ai? como é que pode?
Não me pergunte como, porque também não sei!!

sexta-feira, 2 de novembro de 2018

EXCURSÃO DE VETERANOS FNs e SM NO NORDESTE

Foto Oficial dos Veteranos excursionistas da AVCFN e do SM, frente ao GptFNSa
Confraternização de Excursionistas Veteranos da sede nacional com os Veteranos da Seção Regional (SR) de Recife, na sede daquela SR
   Por Lucio Lucena
No dia 15/OUT/18 segunda-feira, partiu da cidade do Rio de Janeiro, uma comitiva composta de 50 pessoas, entre Veteranos Fuzileiros Navais, Associados do Saco e Maca e familiares, afim de passear pelo Nordeste e dar continuidade ao trabalho de divulgação da Associação de Veteranos do Corpo de Fuzileiros Navais (AVCFN). Na ida, visitamos as cidades de Teixeira de Freitas, Salvador, Recife, Porto de Galinhas e Natal. Já na volta, às cidades de Caruaru, Maceió, Santo Antônio de Jesus, Porto Seguro, Vitória, e por fim, Rio de Janeiro, no dia 30 de outubro, perfazendo assim 15 dias de passeio, que foi custeado pelos participantes.
   Na cidade de Teixeira de Freitas, paramos para um jantar e pernoitar. Já em Salvador, passamos três dias visitando os pontos turísticos daquela privilegiada Capital Baiana e Costa do Descobrimento. No dia 18/OUT, fomos recepcionados no Clube BOGARI na Ribeira, pelo Presidente da AVCFN Seção Regional de Salvador, Vicente e demais Veteranos daquela SR, onde foi servido um delicioso almoço com comidas da culinária baiana.
   Em Recife, passamos mais três dias 19 a 22/OUT, sendo que no dia 20, passamos o dia em Porto de Galinhas, e, no dia 21/OUT domingo, fizemos um passeio de Catamarã pelas pontes de Recife, na parte da manhã, passeio este oferecido pela AVCFN/SR/Recife, visitamos o centro histórico de Olinda e em seguida fomos recepcionados com um delicioso churrasco dançante, com música ao vivo, na sede da SR Recife, pelo Presidente Rafael, demais Veteranos e familiares.
   No dia 22/10 partimos para Natal, onde passamos dois dias. Lá, visitamos o Maior Cajueiro do Mundo, o Centro de Lançamento da Barreira do Inferno, as Dunas de Genipabu, e, no dia 23/10, participamos de um jantar de confraternização no Restaurante Tábua de Carne em Ponta Negra com o Presidente da SR/Natal e demais Veteranos daquela aconchegante Capital do Sol.
   Partimos para Caruaru no dia 24, onde o empresário Sandro, sobrinho do Manoel ‘Rapadura’ articulou um saboroso almoço com comidas típicas da região, entre elas, buchada de bode, galinha caipira, à cabidela e etc... ao som de uma Banda de Forró Pé de Serra, patrocinada pelo referido empresário, na Feira de Caruaru.
Em Maceió pernoitamos dois dias, lá, a estadia foi livre para passeios de jangadas, praias e etc...
   Em Porto Seguro, pernoitamos duas noites, visitamos o Centro Histórico, e, o restante da estadia livre, assim como em Vitória/ES, onde paramos apenas para um jantar e pernoitar.    Por fim Chegamos na cidade maravilhosa no dia 30/OUT por volta das 17 horas, completando assim, 15 dias de passeios.
   Vale salientar que o planejamento e execução de todos os eventos, foram organizados e conduzidos por Lucio Lucena, Vice-Diretor de Comunicação da AVCFN, Presidente da Associação Esportiva Saco e Maca (AESM) e Manoel Rapadura, Vice-Presidente do SM.
   Agradeço em nome do grupo de excursionistas e em meu nome pessoal, aos Presidentes das Seções Regionais visitadas, bem como, aos demais Veteranos pelas recepções de alto nível, conservando assim o ESPÍRITO DE CORPO que adquirimos quando em atividade e conservando até a eternidade. Não posso deixar de Citar um agradecimento ao amigo Sandro, pela fidalguia da recepção em Caruaru, assim como, a empresa TJ TURISMO e aos dois motoristas Heleno e Aloísio, da referida empresa, que nos conduziram de maneira cortês e segura, durante todo nosso trajeto.
   Por fim, não menos importante, um AGRADECIMENTO ESPECIAL à Família Excursionista da AVCFN e do SM pelo comportamento exemplar e o carinho mútuo demostrado durante todos os eventos, bem como, a todos que contribuíram para o sucesso desse inesquecível passeio.
   O maior desafio foi vencido, que venham outros...
BRAVO ZULU!
ADSUMUS!
Fotos com legendas, vejam!
Clube Bogari na praia da Ribeira em Salvador 
Em Itabuna/BA na parada para o almoço no dia 16/10
Depois da foto no Farol da Barra em Salvador, os tradicionais HURRAS...
Concentração para o passeio de Catamarã pelas pontes de Recife
Como sempre, após a foto na confraternização em Recife, os tradicionais HURRAS!
Na cidade histórica de Porto Seguro
 
Na confraternização em Recife
Saboreando as delícias da culinária nordestina, buchada de bode; bode assado e guisado; galinha caipira e cabidela e etc..

No Clube Bogari, em Salvador
Almoço no Clube Bogari, na Ribeira Salvador/BA
Jantar de confraternização no Restaurante Tábua de Carne, em Ponta Negra/RN
Dr. Castanha, em Pirangi RN, no maior cajueiro do mundo...
Recebendo a visita de Veteranos da SR Natal, no Hotel ÁGUA MARINHA, por ocasião do Café. Na cabeceira da mesa, o Anfitrião proprietário do hotel, Veterano FN Xavier.
Lembrando que Veterano lá tem desconto, se for a Natal, não deixe de contatar...
No Restaurante Tábua de Carne, com os Veteranos daquela SR
Praça de Porto Seguro/BA, no dia da VITÓRIA DO PRESIDENTE BOLSONARO!
O Veterano Cesar da Turma II/81 do então CAdest/DF, pediu para posar para uma foto com os seus instrutores, Lucena e Manoel 'Rapadura', por ocasião do almoço no Clube Bogari em Salvador.
Passeio de Catamarã pelas Pontes de recife
Confraternização na sede da SR Recife
O grupo sendo homenageado com uma placa comemorativa ao evento, pelos Veteranos de Recife, representados pelo Presidente Rafael.
BRAVO ZULU!
Jantar no Tábua de Carne
Parte da amada família Lucena, também prestigiou nossa confraternização no Tábua de Carne em Ponta Negra.
No café do hotel Água Marinha

Farol da Barra em Salvador
Monumento Mário Cravo, o mais nobre da cidade de Salvador, localizado no Bairro do Comércio..
Igreja São Francisco em Salvador
Tradicionais HURRAS no Clube Bogari.
Em Porto Seguro
 
No passeio de Catamarã pelas pontes de Recife.
Vista parcial da confraternização na sede da SR Recife. 
Jantar no último pernoite em Vitória/ES